3 de ago de 2013

Indefinido Amor /Capítulo 40


Você-On
Alguns Dias Depois...

Jus- me deseje boa sorte! –ele questionou, logo após depositar um selinho calmo em meus lábios–

Vc- não precisa-se de sorte, quando se tem talento. –falei suave–

Jus- tem razão –afirmou se gabando– Quero demais ganhar!

Vc- e você vai! –deslizei minhas mãos pelo seu cabelo, enquanto ele apertava minha cintura– Depois, vamos comemorar. –sorri maliciosa–

Jus- opa! –deu um gritinho– Dessa parte eu gostei! –disse sorridente–

Vc- bobo! –terminei de abraçá-lo, em seguida, me afastei um pouco, somente entrelaçando nossas mãos–

Jus- serei sempre seu bobo!

Colou nossos lábios, que rapidamente teve entrada permitida, caucionando o beijo mais quente. Bieber sabia como me levar à loucura, ele sabia como me deixar nas mãos dele. Segurou meu cabelo, dando mais intensidade ao beijo, e nossas línguas se encontravam perfeitamente. Paramos o beijo as pressas, por ouvir, um garoto tossindo em sua mão. Empurrei Justin correndo, encarando o chão. Que droga! Pensei que estivéssemos num lugar seguro, sem ninguém nos perturbar.

Jus- qual é seu nome? –ele perguntou ao garoto, que só de ouvir a voz de Justin se tremeu todo. Também, Bieber era bem mais alto que o pobre garoto. E pela sua cara, ele sabia que havia chegado em péssima hora–

~~- Oliver. –engoliu seco– Oliver Mestwk.

Jus- muito bem Oliver.. –Justin se aproximou mais ainda do garoto, que coitado, já estava se mijando de medo. Afinal, quem seria o louco de contrariar e enfrentar Justin Bieber? – Se você tem amor a sua vida, essa cena que você viu, não irá contar a ninguém, correto?

Oliver- co-co-rreto. –o garoto mal conseguia pronunciar, e via pingos de puro medo descer pelo seu rosto–

Jus- você é um rapaz inteligente. –deu dois tapinhas no ombro de Oliver– Agora, vá embora. –Justin mandou, em questão de segundos o menino saiu disparado correndo. Justin olhou para mim, e caímos na gargalhada– Não iria bater nele. Seria uma covardia!

Vc- eu sei –disse ainda rindo– Você é muito mal.

Jus- verdade minha pequena. –deu um beijo em minha mão– Tenho que ir, o jogo já vai começar. –Justin soltou da minha mão e caminhou para a entrada da quadra–

Vc- Justin? – chamei. Ele virou e tentei sustentar seu olhar– Boa sorte! –ele assentiu sorrindo e adentrou de fez na quadra, onde ouvir gritos desesperadores da platéia. Dei uma risadinha calma, e subi a escada, para sentar-me na arquibancada–

[...]

Engraçado, que, não vejo graça nenhuma nesse jogo. Em torno de 10 meninos, que corriam de lado para outro, numa quadra, com piso totalmente intacto. Mas saberia o quanto hoje era importante para o Justin. A grande final do jogo de basquete, o time de Justin contra o time de Drake.

Justin detestava perder, como ele mesmo dizia “se perder, você morre”. Em relação ao esporte, era algo levado muito a serio, da parte dos garotos do colégio.

Terminei de me ajustar na cadeira, ao ladinho da Pattie, que segurava Jazzy batendo palmas, completamente alegres. Jaxon fazia o mesmo, pulando gritando “Justin, Justin, Justin!” Sorrir com aquela cena, e conferir se minha mãe ainda se encontrava ao lado da Pattie. É, mamãe aceitou o convite da dona Pattie, mas graças a Deus meu pai não.
Michele e Katy, que estavam sentadas do meu outro lado, me perguntaram onde eu estava. Nossa, que curiosas! Menti dizendo que fui ao banheiro. Perguntei a elas também, onde o Nicholas e o Caio se encontravam. E Katy me admitiu que eles não viriam. Revirei meus olhos, e voltei a prestar atenção no jogo.

O jogador que marcava Justin, gostava de ser chamado de “Buckheat”. E Justin ouvira falar que o apelido tinha haver com seus avôs. Todavia, Bieber era rápido na quadra, um lançador confiável. No entanto, também adorava insultar os outros, como a maioria dos jogadores canadenses.

Drake e Justin corriam ombro a ombro, o que fez toda a quadra levantar gritando. Justin desviou de um marcador e pegou um passe quicado no canto esquerdo. Em seguida, deu um salto e encostou um arremesso que descreveu um arco perfeito, mesmo depois de Drake lhe dizer umas indiretas.


Sentir uma energia elétrica e gritei que nem uma louca! Oh meu Deus! Jaxon pulava nos meus pés, e o peguei no colo e começamos a comemorar juntos. Justin saiu feliz com seus amigos. Chaz pulou nas costas dele, enquanto Max bagunçava o cabelo dele. Ele correu e apontou para meu lado, e saberia que aquela cesta, era para mim. Ele havia prometido dedicaria a mim.

...

Faltavam pouquíssimos minutos para o jogo acabar. E por pura sorte, o time de Justin estava ganhando. Aliás, sorte não. Drake não jogava tão bem assim, o grupo dele era desorganizado e só pensavam em cada um por si. Bieber organizou o grupo, e saberia que só poderia ganhar, se estivessem juntos.

“Ora, ora. O que houve nessa quadra?”

O rapaz do auto-falante praticamente berrou. Meu coração quase saiu pela boca, quando avistei Justin no chão, gemendo de dor, e os jogadores em volta dele. Ryan sussurrava algo para ele, e Zack tentava levantá-lo.

“Parece que Drake, chutou a perna do nosso Bieber. Como assim seu juiz? Isso não é falta? Cadê o cartão vermelho?”

Michele me segurou, antes que eu pudera descer aquelas escadas, e acabasse com o Drake!

Jazzy- vamos Justin! – Jazzy gritou, enquanto ela estava sentada em minhas pernas. Dei um beijo na bochecha dela, o que fez me encarar O que houve com ele (Seu Apelido)? sua voz doce, teve o domínio de acalmar meu coração

Vc- ele somente caiu, querida. prendi seu cabelo, com uma xuxa que estivera em meu pulso  Daqui a pouco, ele se levanta. ela sorriu para mim, e retornei a olhar a quadra. Já tinha uns médicos examinando Justin, nisso o juiz conversando seriamente com Drake

Pattie- ah, levante meu filho! Vamos lá! Pattie, não parava de roer as unhas, e cochichava para sim mesma. Estava no mesmo pensamento que ela, na verdade uma boa parte da arquibancada. As pessoas olhavam assustadas, nervosas, e minha boca já pudera sangrar de eu tanto morde-la –

“O jogo vai continuar? Sim, olhem lá, nosso Bieber retornou ao jogo!”

Voltei com minha respiração normal, e Justin se levantou acenando para todos, enquanto gritávamos felizes. O relógio voltou a marcar, e finalmente o juiz havia expulsando Drake da quadra. Uma maravilha.

Sócrates fez uma cesta depois de pegar um rebote. Justin atravessou a quadra com a bola a toda velocidade. Pegou um passe sem parar de correr e enterrou a bola com toda a força no aro.

“Fim de jogo!”

Todos vibraram, somente alguns pessoas ficaram em silencio, as que torciam pelo time do Drake.

“Todos os dias, decida quem irá viver e quem irá morrer!” Essa frase que Justin me disse, minutos antes de entrar na quadra, retornou a minha mente. E ele escolheu viver, enquanto Drake jogou baixo, indo para a briga física. Se não fosse por isso, era só marca, que com toda a certeza, Justin acabava com a vida dele.

Desci as escadas as pressas, indo ao encontro de Justin. Ele estava sorrindo radiante, enquanto todos o parabenizavam. Quando me viu, deu passos até mim e sorriu. Minha vontade era de beijá-lo e nunca mais soltá-lo. Entretanto, todos nos olharam estranho. Justin pegou a Jazzy no meu colo, e me olhou triste. Suspirei ao vê-lo dar as costas para mim, e voltar a festejar com seus amigos.

Como eu sentia raiva disso! Não poderia estar ali, ao lado dele, brincando, rindo, e dizendo a ele o quanto estava orgulhosa. Trinquei meus dentes, inteiramente revoltada. Mas, tudo iria ficar bem. Eu iria celebrar com ele, só que mais tarde.

~~- querida?

Vc- caralho! –não pude conter meu susto. Virei- me e mamãe me olhava com uma cara estranha–

Sua Mãe- desculpe. –ela deu de ombros–

Vc- tudo bem. –sorri de lado– Eu só vim trazer a Jazzy. Ela implorava para ver o Justin. –Justin brincava com ela, alisava o cabelo dela, absolutamente felizes. Ela dava uma risadinha perfeita–

Jaxon- (Seu Nome)! –ele pulou em mim, que rapidamente o peguei no colo–

Vc- hey garotão! –fiz um pouco de cosquinhas nele, e ele ria– Viu que seu irmão ganhou? –ele balançou a cabeça no sentindo positivo–

Jaxon- Quando eu crescer,vou querer ser que nem ele!

Vc- você vai encher todos de muito orgulho, pequeno Jaxon. –o abracei, e avistei Pattie aparecer, e logo atrás, Katy e Michele. Elas fizeram gestos que já estariam indo embora. Dei o Jaxon para minha mãe, e me aproximei das meninas–

Katy- nós já vamos, amiga.

Vc- obrigada por virem! –segurei na mão delas, e ela sorriram– Foi muito bom, tê-las aqui.

Michele- dizemos o mesmo. Só tente disfarçar (Seu Nome). Seus olhos não param de brilhar quando ver o Justin. Assim todos vão perceber.

Katy- não somente ela –encarou Michele e retornou a me olhar– O Justin também. Ele te olha com tanto amor, com tanto carinho. Vocês precisam disfarçar mais.

Vc- fazer o que? Se quando nos apaixonamos ficamos bobos?

Katy- o amor! –ela remexeu os olhos–

Vc- sua insensível! –dei um tapa no braço dela, rindo– Mesmo assim, obrigada por virem meninas. Obrigada por tudo.

[...]

O vento estava forte, fazendo meus cabelos balançarem no mesmo sentindo que os galhos da arvore. Caminhava serenamente, enquanto aquele sol da tarde, esquentava minha pele. Faltava 4 quarteirões para chegar em casa, contudo, eu não me importava. Queria mesmo caminhar, por isso não quis ir com mamãe para casa.

Depois de entregarem o troféu, não vi mas o Justin. Ele sumiu no meio daquela multidão de pessoas, sorrindo, perguntando, e até mesmo querendo autografo. Pattie havia levado Jaxon e Jazzy para casa e tive que inventar uma boa desculpa para querer ficar um pouco mais. Queria tanto apreciar o Justin sorrindo, era tão bom vê-lo daquele jeito. E quando ele me viu, sentada naquela arquibancada, olhou-me com um ar de desconforto. Balancei a cabeça no sentindo negativo, e me levantei. Ele ergueu os olhos, na tentativa de que eu iria falar com ele. Mas, unicamente soltei um “sinto muito” e sair andando. “sinto muito Justin. Eu sinto muito” sei que deixei o coração dele partido, todavia, isso era melhor para nós.

~~- hey gatinha! –franzi a testa, ao encarar um carro percorrendo na mesma velocidade que a minha. Na hora que olhei, sorrir instantaneamente–

Vc- seu idiota! –gritei– Queria me matar de susto? –ele parou o carro, e abriu a porta para mim. Entrei pondo meu sinto, e dei um beijo calmo nele, em seguida voltou a dirigir–

Jus- porque esta para casa a pé? Pensei que iria com sua mãe.

Vc- sim –olhei e vi o troféu no banco detrás– Mas decidi vim andando. É sempre bom caminhar.

Jus- verdade –ele buzinou para um cachorro sair da pista– Tem que perder alguns...

Vc- está me chamando de gorda? –não o deixei terminar de completar a frase e apertei a perna dele–

Jus- ai, ai! –choramingou– Não claro que não!

Vc- ah pensei! –soltei a perna dele, e depois rimos–

...

Justin parou no Drive Thru do Mcdonald's. Conversou com atende e pediu dois sorvetes para nós. Meu era de chocolate com baunilha, e o dele, morango com chocolate.

Jus- obrigada. –comentou apanhando os sorvetes–


Vc- Justin, seu idiota! –ele ria e ria, como aquele garoto me amava ver brava– Porque você fez isso?

Jus- sei lá. –levantou os ombros–

Vc- como você é idiota! –dei alguns tapas no ombro dele, que não conseguia parar de rir– Olha só, agora não vou mais tomar soverte.

Jus- eu sei. –ele jogou os dois pela janela, e depois pegou um pano, que estava ao seu lado. Limpou sua mão, logo após o sinal verde abrir–

Vc- seu bobo! –ele dava altas risadas. Até que parou na esquina da rua. Olhou-me e me deu um selinho–

Jus- você desce aqui? –fez bico–

Vc- sim. –sorri de canto e dei um beijo nele, desmanchando aquele bico. Adorava quando ele fazia aquele bico. Ele ficava praticamente, mas perfeito do que já é– Meu pai deve estar em casa, ele iria te estrangular, se te visse dando carona para mim.

Jus- é.. –alisou meu rosto– Esteja pronta. Eu quero comemorar apenas com você.

Vc- tem que ser tarde. Só posso sair quando meus pais estão dormindo.

Jus- eu sei. –contou– Te mando um sms.

Vc- ok. –ele beijou minha testa e soltei o sinto de segurança– Até mais tarde? –abrir a porta olhando para ele–

Jus- sim. –soltou um beijo para mim– Até mais tarde. 


I'm a tell you one time, One time.

Hey minhas delicias! Eu escrevi o capitulo, ouvindo todas as musicas do Biebs, hahahaha. Como pedido, aí esta o capitulo de IA. Eu sei, eu sei está uma merda, mas, juro que tentei fazer legal. Acho que no próximo vai ter HOT, não tenho certeza ainda.

Logo vou postar YLIMD, aguardem!

Obrigadaaa paixões minhas, por lerem minhas fics, comentarem e ainda por cima me suportarem.

Amo vocês,

SWAAAAGGGGGGGGG! 

33 comentários:

  1. Amr vc continua e nem me avisa ne??

    By:Justin1heartt

    ResponderExcluir
  2. Coooooooooontinua logo princesa , isso ta perfeito demais ><

    ResponderExcluir
  3. OMG PLEASE CONTINUUUUA LLOOGO POR FAVOR

    ResponderExcluir
  4. HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA OMG OMG
    VEY QUE PERFEITO EU AMEI
    COOOOONITNUA LOOOOOGOOOO EU AMEI minha diva *-*

    ResponderExcluir
  5. aaaaaaaaaaaaaawn, continua pllmd sabe o que eu esperei por isso?
    Você ta louca, em deixa matando de curiosidade, como que eu fico? Justin ganhou o jogo e eu nem podia ai menos abraça-lo por isso.
    Droga!
    coooooooontinua!

    ResponderExcluir
  6. OMB QUE PERFEIÇAO HAHA'
    continua logo se não eu tenh um grande heart attack kkkkkk
    Amando demaiiiiis minha Diva :)

    AMO VOCÊ ♥

    ResponderExcluir
  7. continua diva tá perfeito demais
    tadinho deles nem podem comemorar em público
    divaa te amoo e continua plz beijos minha princesa


    Swagkisses

    ResponderExcluir
  8. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AMEI!!!!
    <3
    tadinha dela nem pode ficar perto do justin!!!!
    poxinha!!! :s
    affs!!!
    ai eles ficam cada dia mais perfeito!!!
    como pode?? OMG!!!! É DEMAIS!!!!1 <3 como sempre!!!
    PELO AMOR DE DEUS POSTA LOGO I NEED!!!!!!
    I NEED,PLEASE!!!!!
    <3
    bjs amora!!! amei!!! *-------------------*

    ResponderExcluir
  9. Ai,ai ai o proximo necessita ser hot,haha'.

    ResponderExcluir
  10. Hey thata, n diga isso ficou perfeito como sempre, e poste o prox hot, ai ai! Awn ou seja fez o cap pensando no jus *-*

    ResponderExcluir
  11. Ruim?ta perfeito mais qur perfeitoo esse cap ta divino demaiss nao demora pra continuaaaaaaaarnaaaoo

    ResponderExcluir
  12. aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa garota eu vou te matar se você disser mais uma vez que seus capitulos saiem uma merda. porra todos eles são muito perfeito e esse então meu deus sem comentarios. quero saber o que eles vão fazer a noite. uma noite bem romantica, eu penso assim. continua logo diva pelo amor de JESUS CRISTO. nao quero morrer antes de ler o proximo cap

    ResponderExcluir
  13. Aaaaaaaaaaaaah meu deus amora ta perfeito puta que la merda kkkkkkk continua logo please?

    Te amo
    BieberKises*-*

    ResponderExcluir
  14. PERFEITOOOO *-*
    Hmm. Cáp HOT intão shahsaushuash #momentosafada
    Tá mto boom Thatá. O Justin tem q enfrentar o pai dela logo e eles ficarem juntos ><
    Continua assim q dé Linda, Beeijos. ><
    @BahdoBieber

    ResponderExcluir
  15. Ficou lindoooo ameiii Parabéns, agora não demora pra postar não tá bom amoreee Bjus
    @luh18gatinha

    ResponderExcluir
  16. Perfeito como sempre u.u
    kkkk como o Justin é bobo haha super continua princesa, tô amandooo

    ResponderExcluir
  17. Isso deles não poderem se abraçar ou ate mesmo se beijar na frente das pessoas é tão triste, ... mais tudo bem um dia isso acaba, Oh Justin como sempre um Bobo,fofo lindo e tudo mais.. Continua por favor.

    ResponderExcluir
  18. AAAAAAAAAAAAAAAH! que lindoo eu amei sério ta perfeito como sempre em s2 continua logo anjo pf bjoos.

    ResponderExcluir
  19. Oiiii Thatá lindaaa! Tudo bem?
    Passei aqui só pra dizer que sempre entro pra ver se tem capítulos novos de Indefinido Amor <3 sempre leio e adoro! hahahah
    Meu tempo anda bem corrido, mas estou ansiosa para ler a nova IB. Depois te conto o que achei (; hahaha

    Beijãoooo sz

    ResponderExcluir
  20. olha só thatá vc prometeu q dessa vez ia postar :( http://imagine-belieber-kidrauhlforever.blogspot.com.br/2013/08/selinho.html

    ResponderExcluir
  21. ai diva que perfeito!!!! awn como eles são fofos >< e tadinhos deles não podem comemorar em publico :/ amei continua :))

    ResponderExcluir
  22. OMG,OMG,OMG,OMG,OMG! Aaaaah minha nossa,sem palavras u.u Quanta ansiedade pra ler o próximo capítulo meu amor .-. Eu te amooo,continua POR FAVOOOOR!!!!!

    ResponderExcluir
  23. Estou amando cada vez mais essa fic cara OH...God!!!
    Justin seu idiota fofo vou te morder 'nhac'
    Continua!!

    ResponderExcluir
  24. Heeeey divaa! sabe, é bem dificil eu comentar pq sempre tenho preguiça de entrar na conta do google digitar e tals, psé eu sou beeem preguiçosa hehe. mas eu vou comentar sempre agr tá?! entãaao simplesmente PER-FECT omggggg vc escreve muuuito bem, é uma diva sem mas. faz hoot please, please. sim, eu sou meio safadenha :3 haha.
    E esse meu pai em, que saco, num gosto dele ashuasuha que coisa mais #euem kkkk enfim, continuaaa, beijos minha diva!

    ResponderExcluir
  25. AAAH QUE PERFEITO u_u Vai ter HOT ??? SCRR , to mais ansiosa ainda ><
    Desculpa a demora de comentar , tava um pouco ocupada...Mas pra vc , sempre vai ter um tempinho...Bjãão ;*

    ResponderExcluir
  26. Vooc só posta os capítulos de quinta em quinta-feira né?

    ResponderExcluir
  27. LEITORA NOVAAAAAAAAAAAAAAAAAA :))
    Na verdade eu já li aqui, só que ai eu parei e agora eu VOLTEIII :DD
    Eu estou AMANDO essa Ib. Ela está P-E-R-F-E-I-T-A *--*

    CONTINUAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    Divulga, comenta e lê??

    queen-of-swaggy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  28. OMGGGGGGGGGGGGGGGGGG continuuuuuaaaaaaaaaa sua perfeitaaa. Meu Deus eu estou amando muuiito muiito muiito essa IB, uuhhmmm quer dizerr então que o próximo vai ter Hot kkkkkk... Volteii de viagem e ja postei la no meu vê la depoiss se der.
    http://www.imaginebelieberloveskidrauhl.blogspot.com.br/


    Lilih*

    ResponderExcluir
  29. continuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuaaaaaa *-*

    OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG OMG

    - Jus- sim. –soltou um beijo para mim– Até mais tarde.
    EEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE ?

    ResponderExcluir